sexta-feira, 30 de abril de 2010

No Domingo À Noite Recordem Este Momento



Em Junho anunciei assim a previsivel chegado do Messias

JULGO QUE EM NOME DE TODOS OS BENFIQUISTAS PODEREI GRITAR:

OBRIGADO JESUS

Domingo há jogo?

Atendendo ao que por aí (gente do fcp) se vai dizendo estou desconfiado que domingo não há jogo. O Benfica vai ganhar e os tripeiros apenas estão preocupados com a festa.

quinta-feira, 29 de abril de 2010

Quac, Quac, levar banhada de bola e nós banho de campeão

Depois duma caminhada tão bonita como curta, porque ver este Benfica jogar sabe sempre a pouco, vamos acabar por fazer a festa no terreno do Dragon é um pouco como ir almoçar ao Tavares Rico e acabar o café no WC. Mas pronto festa é festa e ela teria que ser feita em qualquer lado. Nós sabemos que são pessoas com poucas ideias, não muito esclarecidas mas verdade seja dita e o que é verdade deve ser dito, os tripas conseguiram inovar, todas as formas de corrupção e as suas múltiplas variantes são fruto ou fruta como se quiser dizer dum trabalho monetário muito bem viajado pelo Brasil, Cancun e outras OFF Shores. Ser campeão ali também acaba por ser importante, desde que o César Brito lá marcou os 2 golos que não vêm um clube neste caso quase campeão que não seja corrupto, já mereciam, temos de lhe dar esse prazer, taditos, dizia eu que com a pouca clarividência para inventar com decência sobra-lhe a maldade e como também gostam das más companhias se o Benfica for campeão vai acontecer como no jogo do Inter Barcelona e vão ligar os aspersores de rega mas não tem problema nenhum. Esta informação é em primeira mão, acabo de encomendar bóias para todo o plantel por causa da água que vai jorrar após sermos campeões, assim podemos divertir-nos nos vários lagos que se irão formar nós no banho eles com a banhada. Na impossibilidade de contratar o frango que já nessa altura era gordo, que o Nuno Espirito Santo arranjou no Algarve devido a sofrer de problemas de obesidade, contratei um pato que não é bravo para mostrar o modelo a utilizar.
Todos os patinhos sabem bem nadar, sabem nadar….




Três horas à Benfica

Já tenho bilhete para o Benfica-Rio Ave, depois de resistir a três horas de espera pelo acto da compra no Estádio da Luz e, mais tarde, na Casa Viola, no Colombo.

Cheguei à Luz, às dez horas, altura em que as bilheteiras abriram, deparando-me com uma fila que já tinha várias dezenas de metros. Esta afluência demonstra a grandeza do Benfica, e a percepção de que a conquista do 32º campeonato é, cada vez,mais, um sonho perto de estar realizado. De qualquer maneira, não deixei de ficar surpreendido com a presença de milhares de pessoas, mas a vontade de ver Benfica acaba por se sobrepor aos horários de trabalho ou de faculdade e à crise.

Depois de meia-hora no Estádio da Luz, apareceu um senhor com bilhetes comprados na Casa de Viola. Apesar de um euro de comissão, valeu a pena mudar de local porque a fila era menor, embora tivesse de aturar mais duas horas e meia de espírito de sacrifício, atenuadas com a boa disposição de uma prima minha, que se filiou no Benfica em 72.

No Colombo, havia organização, segurança, mas depressa correu a informação de que o sistema informático estava bloqueado, impedindo, por isso, a venda célere dos bilhetes. "Modernices. Isto, antigamente, não era assim", afirmavam alguns sócios. Algumas pessoas passavam por nós e não percebiam a razão de tamanha fila numa casa que vende lotaria e outros jogos de sorte e azar. Houve, ainda, quem julgasse que se vendia bilhetes para o jogo no Dragão.

A normalidade foi reposta e, entretanto, ficámos a saber que Olegário Benquerença vai arbitrar o jogo de Domingo. Esta informação é só uma curiosidade, porque o Benfica tem de ganhar independentemente de o árbitro ser bom ou não. Por exemplo, em Marselha houve uma das piores arbitragens desta época e a equipa não deixou de vencer.

Com o bilhete na mão, espero ou, melhor, esperamos festejar o título na casa dos tripeiros e continuar a celebrar esta proeza, numa época muito especial, frente ao Rio Ave. Viva o Benfica!

quarta-feira, 28 de abril de 2010

Será que sou só eu

Bem sei que os últimos anos têm sido difíceis, as desilusões são imensas e a angustia em função da expectativa criada é enorme. Desde o inicio da época a abordagem dos adeptos tem sido muito cautelosa, justificadamente cautelosa o que acabou por se revelar decisivo. Não embandeirámos em arco mas estivemos presentes num apoio constante.
Nesta altura denoto ainda muitas cautelas, muito receio nos Benfiquistas em especial na abordagem ao próximo jogo. Meus amigos:
- temos 2 jogos para fazer 1 ponto;
- Somos melhores mas muito melhores que os 2 adversários que ainda temos que defrontar;
- A pressão está no Porto que precisa de ganhar para ter esperanças no segundo posto;
- Nós vamos para jogar sabendo que se não for ali será mais tarde;
Não só acredito que vamos ser campeões no Domingo como penso que vamos ganhar o jogo. Passaremos por enormes dificuldades, estaremos num ambiente hostil mas sairemos vencedores.

terça-feira, 27 de abril de 2010

A honestidade de Quim

Não costumo contestar os posts deste blog, mas, desta vez, vou abrir uma excepção, esperando que o Forte i Feio respeite a minha opinião.

Temos de ver que a admiração por Vítor Baía foi feita em circunstâncias especiais, ou seja perante uma jovem plateia, que precisa de ter nos mais velhos referências, e saber que podemos ter jogadores preferidos em clubes rivais. Além disso, o Quim é patrono da escola e se admirava Baía, quando era jovem, não podemos censurá-lo, até porque se trata de um ex-jogador do FC Porto e seria pior se ele dissesse que tinha Helton, Beto ou Nuno Espírito Santo como ídolos.

Aliás, deve haver muitos benfiquistas que, por exemplo, admiram jogadores como Falcão, Álvaro Pereira ou Christian Rodriguez, apesar do uruguaio estar, esta época, felizmente, longe do que fez na Luz. Portanto, não é por isso que nós ou Quim, com esta afirmação, estamos a colocar em causa a capacidade de vencer do Benfica.

Força, Forte i Feio, continua a "malhar" no blog.

Quim, o que é isto?

Numa semana onde se joga o campeonato com o porto uma declaração destas é sinal de pouca inteligência, devido à semana e ao jogo que se aproxima deixarei o post que há muito quero fazer para outra altura.

segunda-feira, 26 de abril de 2010

Épico, Súblime. Mas há mais modalidades para vencer!

O jogo de ontem foi memorável, um longo caminho para conseguir esta vitória, mais uma vez contra uma arbitragem péssima conseguimos demonstrar a força que têm os campeões. Foi merecidissima, a partir dos 10 minutos de jogo o Benfica dominou, criou oportunidades mandou um sem número de bolas aos ferros e deu espectáculo, há um lance do Ricardinho que é fabuloso embora o colectivo tenha sido a grande arma, a união, o espirito de grupo, fantástico não consigo encontrar palavras para esta noite. Campeão Europeu de remontada como dizem os espanhóis no Pavilhão Atlantico com um público fantástico vibrante que levou inclusivamente o técnico do Interviu a dizer que não tinham conseguido lidar com o ambiente criado e com o público. Esta equipa tem um curriculo fantástico mas ainda assim o Benfica conseguiu aguentar 5 minutos em que estes jogaram sempre com 5 jogadores tentando chegar à igualdade. O espirito de sacrificio dos nossos heróis foi inexcedivel. Parabéns.
Gostava de relembrar que vem aí um jogo importantisimo do vólei que pode ser o último, a Taça Cers em Torres Novas em que poderemos encaixar mais um troféu europeu para o hóquei, o basquetebol o futsal o futebol. Estamos em muitas frentes mas precisamos de estar presentes, encher o pavilhão, no vólei estivemos a perder 2 - o em sets na Luz e no 3º set o resultado chegou a estar em 6 - 12 mas mesmo assim com o apoio do público o nosso Benfica venceu, lembrem-se que esta época poderá ser carregada de titulos mas precisamos de nos unir e apoiar.

A LUZ CADA VEZ ESTÁ MAIOR, VAMOS FAZÊ-LA CRESCER!

domingo, 25 de abril de 2010

Reis da Europa

A equipa de futsal do Benfica conseguiu hoje a proeza mais significativa desta modalidade, ao derrotar, por 3-2, o consagrado Interviú, detentor de currículo notável e proveniente de um país que é uma potência mundial.

Não foi, naturalmente, fácil, o Benfica esteve a perder, recuperou com os golos de Joel Queirós e Arnaldo Pereira, mas os espanhóis reagiram e já no prolongamento Davi tornou-se no grande herói da partida.

Notável tem sido o percurso de André Lima, com campeonato e este troféu europeu, conquistados quando ainda não totalizou duas épocas como treinador.

Já me sinto campeão

O Benfica ficou impossibilitado de festejar hoje o 32º título de campeão, uma vez que a Naval foi incapaz de, pelo menos, empatar com o Sp. Braga.

Por isso, o primeiro lugar irá ficar garantido no Dragão, com uma exibição que tem marcado esta época : futebol de alta qualidade, aliado a uma capacidade demolidora no ataque, tal como aconteceu, por exemplo, frente ao FC Porto na Taça da Liga. O Benfica pode nem sequer precisar de ganhar, mas uma vitória concludente dará mais categoria à nossa conquista. Além disso, temos de contribuir para afastar, em definitivo, o FC Porto da Liga dos Campeões.

Antes do jogo com o Olhanense, previ, em pleno jantar do nosso blog, que Cardozo iria festejar um "poker". Ficou-se pelo "hat-trick", provando, novamente, que marcar golos lhe é tão natural como respirar. Di Maria foi, mais uma vez, um dos heróis do Benfica, com duas assistências e um golo marcado com o...pé direito!

sexta-feira, 23 de abril de 2010

É o Futre? Messi? Di Maria? Não, é Nicolás Gaitán

O Benfica pode, ao que tudo indica, estar interessado na contratação de Nicolás Gaitán, jogador de 22 anos, esquerdino, que actua no Boca Juniors, dando, assim, sequência à aposta no mercado argentino.

A A Bola compara-o a Futre, cuja última grande época fulgurante aconteceu no Benfica, mas, também, apresenta características que o aproximam de Di Maria, Aimar e, como descai para o lado direito, a conceituada Four Four Two compara-o a Leo Messi, enquanto Diego Maradona já se rendeu ao seu talento.

O clube argentino garante que há oferta do Benfica, tendo Ajax e Barcelona como concorrentes do Benfica, numa passe avaliado em 10 milhões de euros. Nunca o vi jogar, mas , a julgar pelos vídeos do You Tube, parece, de facto, que é craque.

De qualquer modo, o Benfica, ao contrário de outras épocas, está bastante activo na composição do plantel, tendo garantido, para já, as vindas de Jara e Fábio Faria.


Estranho apoio

Que o presidente do Benfica se disponha a ouvir todo e qualquer candidato a presidente da Liga de Clubes parece-me bem. Mesmo que se trate de um portista. E nem vejo problema em que o encontro conte também com a presença do presidente do Sporting. Que apoie desde já um candidato já se me afigura estranho. Sobretudo tratando-se de um portista. Há posições que têm de ser muito bem explicadas. Esta acima de todas.

quinta-feira, 22 de abril de 2010

Eduardo quer Benfica e o Benfica quer Eduardo?

Não sei se o interesse do Benfica em Eduardo, e vice-versa, é autêntico, mas se for, parece que é preocupante, mas não muito, porque com o caudal ofensivo que esta equipa tem e, esperamos nós, continuará a ter na próxima temporada, até eu posso estar na baliza, sem que isso comprometa as vitórias do clube.

Até consigo perceber que haja interesse na contratação de um guarda-redes, mas só admito que venha alguém que seja claramente melhor do que o Quim, com o nível dos inacessíveis Buffon, Júlio César (o do Inter) ou Cech, porque senão não vale a pena estar a "inventar" com a vinda do Eduardo, que não me parece nenhum fora de série, nem que seja superior ao nosso "número 1".

Todavia, há, pelo menos, um dado nesta história que pode originar, pelo menos, as negociações com o guardião do Sp. Braga: as suas qualidades são apreciadas por Jorge Jesus. Voltando a Quim, considero que tem estado bem esta época, devia ter sido titular em Liverpool, e estranho que, ao que tudo indica, não haja ainda acordo para a sua renovação de contrato.

Desejo para o fim de semana

Aproxima-se a 27ª jornada, percebe-se que andamos todos ansiosos com a realização de jogos e principalmente com a confirmação da nossa vitória. Naturalmente os nossos desejos confluem para uma cabal vitória frente ao Olhanense para depois aguardarmos serenamente pelo jogo do Braga na Figueira da Foz. É neste particular que me distancio dos demais adeptos e eventualmente dos jogadores (fazendo fé que nas palavras de Weldon subsiste um sentimento de balneário), é que no domingo (se ganharmos o nosso jogo) torcerei pelo Braga. Espero sinceramente que o Braga ganhe o seu jogo, essa vitória implicará uma menor possibilidade do fcp chegar ao 2º lugar, logo, a um lugar de acesso à Liga dos Campeões e principalmente permitirá que o Benfica festeje o seu titulo onde merece e onde efectivamente o ganhou - no relvado.
Ganhar em casa não tem o mesmo sabor e esta equipa (jogadores, staff, dirigentes e adeptos) merecem uma festa ainda maior que a registada em 2005.

Verdade da mentira

A aproximar-se o final de época começará o festival de eventuais reforços para o nosso clube. Atendendo à fabulosa época que temos vindo a fazer os media vão-se divertindo nesse capitulo com o Sporting mas a seu tempo a dança começará. Exemplo disso foram as noticias do eventual interesse em Eduardo guarda-redes do Braga. Confesso que por diversas vezes já ouvi falar do seu nome pelo que não me espantei com a noticia, mas o que me impele a escrever foram as novidades que me contaram hoje a esse respeito. Segundo pude apurar as noticias sobre Eduardo foram encomendadas pelo fcp com intuito de desestabilizar o Braga na perspectiva do segundo lugar. Isto não me admira principalmente vindo de quem vem, o que me apoquenta é se a noticia é realmente encomendada ou se haverá algum fundamento nesse interesse é que para os mais distraídos guarda-redes com contrato para a próxima época temos apenas o Júlio César.

quarta-feira, 21 de abril de 2010

Já que falamos em gozar...


Não pude deixar de notar na fina ironia da contratação do novo treinador do Sporting, reparem no nome. Enganei-me, afinal o JEB até é um tipo coerente.

Paulo Bento Forever!


Entretanto, existe mais uma razão para os nossos adversários (não) gozarem connosco, o Benfica tem boas hipóteses de ser o melhor campeão do milénio. Pouco me interessa se conseguimos esse objectivo, o que me interessa é o caneco mas o brilho seria outro!

segunda-feira, 19 de abril de 2010

Os túneis azuis têm mais samba e alegria, são mais fofinhos….

O túnel da Luz é muito frio, um sitio algo inóspito e desinteressante pintado a branco e vermelho, com stewards educados e profissionais, onde cheira a limpo invés de cheirar a bagaço como de outros, claro que o pessoal do porto e nomeadamente o corrupto mor, pedante e peidante mais conhecido por pinto da costa sente-se desconfortável, afinal de contas não há aqui desavenças, confusões, um guarda Abel qualquer que possa agredir cobardemente só porque não gostou da dobrada ao almoço, não há emoção nenhuma, os animais sentem que com um espaço destes há que dar aqui uma certa animação e já que não conseguem dar espectáculo no campo que haja uma certa confraternização cá fora. Nos últimos 2 anos os flatulentos liderados pelo monstro verde com cabeça de tubarão martelo agrediram e cuspiram nos seguranças que se limitavam a fazer o seu trabalho quase impunemente. O Túnel do Marquês acaba por não ter grande interesse comparado com isto, a não ser quando o Benfica lá festeja os campeonatos, mas é muito cimento muito betão e é por isso que o porto teve ao longo destas décadas a lucidez de tornar os túneis mais humanos mais quentes e sobretudo mais palpáveis. Devem estar a achar que pirei de vez , mas não isso já foi há uns anos atrás, dizia eu, pinto da costa teve a visão de conseguir ganhar campeonatos estabelecendo pontes, sim foi um dos primeiros a esbater diferenças entre as comunidades luso brasileira, e o que faz o cheirosinho? Um árbitro vai apitar um jogo, vai stressado com receio, o que é que ele faz? Manda um túnel para o árbitro, mas não é um túnel de tijolo, não, ele manda um túnel perfumado, fofinho, gostosão, mas atenção não são túneis para entrar ao pontapé como o caso do fernando que enfiou um bico no toldo quando vinha com a cabeça e não só cheia, são túneis muito evoluídos, tecnologicamente falando claro, designam-se por anti-stress e não têm limite de velocidade como o de Lisboa, pode-se dar fogo à peça à vontade mas com jeitinho, existem em muitas variedades com sabor a chocolate a fruta e até café com leite. Foi através destes túneis acolhedores que pinto da costa ganhou tantos e tantos campeonatos, neste caso é caso para dizer com estes túneis todos os campeonatos iam dar ao porto.

ps: o post abaixo deste é excelente.

Já só faltam 4 pontinhos...

4.

4 é o nosso número mágico de hoje.

Depois de mais um fim de semana, em que o nosso clube espalhou toda a sua classe num estádio em Coimbra, eis que ficamos apenas a 4 míseros pontinhos de alcançar aquele que é o nosso maior objectivo da corrente época - sermos (muito merecidamente, diga-se) campeões nacionais.

Não foi um jogo fácil (como não vai ser nenhum até ao final), contra uma equipa que parecia "estranhamente" motivada (vá-se lá saber porquê), num campo/relvado difícil, contra um treinador que precisa de óculos - deve ser mais um que deve ir para o CRAC ou para o Braga. Mais uma vez, um erro do árbitro, permitiu que a Académica empatasse o jogo...

Mas o mais importante foi conseguido. Mais três pontos, e mantivemos a distância relativamente ao segundo lugar.

O Braga, esse continua a ganhar - mas não sabe muito bem porquê... nestes últimos jogos, os pontos parecem cair do céu. Não faz para ganhar, mas ganha... que aborrecido. E lá vamos ter que ouvir com o Domingolas a desejar que o Benfica perca - felizmente não lhe temos feito a vontade.

O FCP viveu ontem um belo momento. No dia em que matematicamente disse adeus ao título desta época, recebeu a taça pela vitória no campeonato anterior - ironias do destino.

No próximo sábado temos todos que ir ao estádio apoiar o nosso Benfica, para que consigamos ganhar a uma equipa que na primeira volta nos fez a vida negra. Esse biltre, que já foi jogador do clube regional do norte, vai de certeza, com a ajuda do quarteto amarelo, tentar de tudo para nos lixar. Mas a nossa equipa, com o nosso apoio, vai ter a força suficiente para ganhar!!! Mesmo contra 14!!!!

FORÇA BENFICA!!!


domingo, 18 de abril de 2010

OBRIGADO!!

Permitam-me vir aqui dizer umas coisas....

Há muito que para além do sócio, do cativo e das idas quinzenais á bola....vivo o Benfica dia-a-dia como se fosse meu. Nunca deixei de marcar presença nos bons momentos, e muito menos o fiz nos momentos menos bons, em que inclusivamente o clube esteve perto de (quase) ser destruído! Sempre o fiz e sinceramente, faria tudo da mesma forma...

Desde há pouco mais de um ano para cá, passei a viver o dia-a-dia do clube ainda mais de perto! Se já ia ao Estádio de quinze em quinze dias, passei a faze-lo diariamente...8, 9, 11, 12 ou até mais horas diárias...isso não me fez sofrer mais nem menos. Não me fez acreditar mais ou menos neles todos...simplesmente passei a ter uma confiança nunca sentida até então; uma segurança e uma tranquilidade sem igual!

Hoje foi apenas e só mais um desses casos. Desde o primeiro minuto nunca senti a pulsação a bater acima do nível 'normal'. Nunca tive necessidade de roer as unhas nem de me enervar. Nunca senti que os 3 pontos não viessem de Coimbra no Autocarro juntamente com aqueles SENHORES!!!! É com esta calma e com esta segurança que vejo todos os minutos de qualquer jogo em que o Benfica entre...

Nem o Bardaxistra hoje me conseguiu tirar do sério....nada o consegue!!

Senão for daqui por uma semana, será na semana seguinte! Se (por qualquer acaso) não for aí, será na outra a seguir. O Título a nós ninguém nos tira...por muita azia, raiva e sentimento de 'anti-benfiquismo' que ponham no ar, no fim somos nós que nos vamos rir! Seremos nós a festejar...seremos nós a sentir que apesar de tudo o que fizeram (ou tentaram fazer), afinal de contas o crime não compensa e o 'bem' irá vencer! O Benfica merece...eu mereço...todos nós merecemos que por uma vez no nosso país e no nosso Futebol a Justiça leve a melhor!!!!

Por tudo isto, uma vez mais agradeço...só assim, muito simplesmente obrigado!!!! Obrigado!!!!

(PS...festejarmos o titulo no próximo fim de semana tinha outro sabor porque pode ser um FDS histórico para o clube: O Voleibol a uma vitória do título, o Futsal com oportunidade de conquistar o maior troféu de clubes da Europa, e o Futebol a conseguir o tão merecido campeonato!!! Era só por isso....)

O campeonato é nosso!

Encomendem as faixas de campeão, tragam as garrafas de champanhe, preparem-se para invadir o Marquês de Pombal! Não há nada, nem ninguém que nos impeça de festejar o 32º segundo título de campeão nacional, na sequência desta excelente temporada.

Weldon foi, mais uma vez, o herói da partida e, apesar de não jogar tanto como gostaria, merece a honra de ser campeão nacional. Se as contas não me falham, marcou cinco golos no campeonato, contando com os de hoje, e foi fundamental para a conquista de sete pontos: no empate com o Marítimo e nas vitórias frente a Naval e Académica.

Di Maria voltou, também, a "fazer das suas", sendo, também ,fundamental neste triunfo, embora pudesse, pelo menos, ter marcado um golo, num encontro em que o primeiro tento da Académica foi ilegal. As más arbitragens são comuns em Portugal, o que para mim não é muito preocupante, porque o Benfica, a jogar assim, não dá hipóteses a ninguém.

Até ao fim

Contra todas as expectativas o Braga não desarma. Se por um lado é positivo pois trará ainda mais brilhantismo à nossa vitória e implicará que o FCP fique em terceiro, por outro acresce-nos pressão e ansiedade para os jogos que faltam.
Nos últimos jogos e após as vitórias conseguidas sinto sempre um alivio e invariavelmente um desabafo "pronto ganhámos, o campeonato está decidido já não foge". O certo é que hoje temos que ganhar sob pena de empurrarmos para o Dragão a necessidade de um resultado positivo o que é, atendendo a que estamos em Portugal e é a liga sagres, muito mas mesmo muito arriscado.
A Académica não será um adversário fácil, a exemplo da Naval acredito que estará hiper motivada, pelo que todo o cuidado é pouco.
Aconteça o que acontecer o titulo apenas se decidirá numa das duas últimas jornadas. Até ao fim a lutar e a sofrer, aguenta coração...

sábado, 17 de abril de 2010

Também eu sou benfiquista desde pequenino...

Numa altura em que todos parecem assumir-se finalmente sem medos (veja-se o recente caso daquele cantor latino, que tantos corações femininos arrebatou), achei que estava na altura de me assumir igualmente. Mas não haja aqui confusões... estou a referir-me ao meu amor pelo Glorioso.

Também eu, desde pequeno, que vibro com os feitos que o clube do nosso coração e com o seu enorme historial que o tornam grande em Portugal e no Mundo.

Assim, resolvi aceitar o convite do João Tomaz, para de vez em quando virem aqui mandar umas "postas" sobre os nosso Benfica.

Desenganem-se aqueles que pensam que serei racional e independente naquilo que por aqui vou escrever. Como pode haver alguma racionalidade ou independência quando aquilo que nos move é o amor ao nosso clube? Por isso vou optar pela via mais simples - ser simplesmente tendencioso, para o lado do SLB.

Fica feito o aviso à navegação...

Antes de mais, um apelo. Para todos aqueles que têm a possibilidade de o fazer, de se deslocarem a Coimbra e apoiar a nossa equipa no próximo Domingo frente à Académica. Eu não posso...

Não será um jogo fácil, mas estou convencido que no final a vitória e os 3 pontos serão nossos, nesta caminhada dura, mas segura, rumo àquilo que todos nós mais queremos - o título de campeão nacional.

Força Benfica!!!

(aqui fica uma imagem que alguém partilhou comigo no Facebook (que estava no perfil do MaisFutebol) e que serve para inspirar as tropas)


quinta-feira, 15 de abril de 2010

O Silêncio dos 26 inocentes ou o Greenout


Estou preocupado com os adeptos do liverpool, perdão do sporting, bem já não sei ao certo se são adeptos de um ou de outro, afinal rejubilaram com a vitória dos ingleses mas no dia de hoje parecia que tinham sumido, silêncio muito silêncio, isto é um fenómeno deveras estranho num momento dão pinotes e no outro desaparecem da película, vi muitos a esconderem-se por detrás dos computadores, a evitarem uma saudação, será medo? Indisposição colectiva mais conhecida por azia? Factor psicológico? Fiquei sem saber.

Foi pena terem perdido o campeonato, no seu jogo do título os lagartos perderam 2-0, e nós mais uma vez despachámos os riscadinhos em alta velocidade, são clientes e os clientes devem ser bem tratados, com 6 golitos este ano já têm o saquinho bem recheadinho eles que não se preocupem que para o ano há mais, sempre a considerar.

Revolta-me alguns benfiquistas que gozam com os 26 pontos, acho mal, porque em boa verdade mereciam estar a muitos mais, mas foi o que se arranjou, e temos de perceber que eles estão macambúzios e magoados, é que uma cicatriz de 26 pontos é bem grande convenhamos, e vai levar muito tempo a sarar e com estrelas como o Zé Bettencourt e o Chico Costinha não é de estranhar que se volte a reabrir uma e outra vez para verificar se está mesmo curada. Já os estou a ver a degladiarem-se a ver quem diz a próxima parvoíce.

Mas o que fica no meio disto tudo é que 26 pontos pode ser uma boa primeira parte no Basquetebol, dá para vencer um jogo de Voleibol, de Ténis-de-mesa todos com capote( ontem ouvi alguns olés, não me lembro aonde) mas infortunadamente poderá não chegar para ganhar por exemplo um jogo de râguebi ou de andebol, é curto.

Por isso fico preocupado que há 26ª jornada o Benfica tenha apenas 26 pontos de diferença é pouco para uma equipa tão lastimavelmente medíocre é muito pouco, ser um ponto por jornada, será que eles não estarão a fazer as contas com a vitória a valer 2 pontos e o empate 1 como era antigamente, deve haver engano na Liga, algum funcionário menos escrupuloso, talvez.

É que se assim for, e se o campeonato continuasse podíamos mandar Jesus a pé até Belém, dar férias ao Ramires que anda cansado e aos outros que também merecem que passados 2 meses com uma jornada por semana ainda estávamos à frente, dava para fazer duas pré épocas, isto se eles ganhassem os jogos todos mas seria mais fácil o Bettencourt aprender a tocar castanholas.

Com o inocente do carvalhal transformado em inimputável por não poder falar à comunicação social com tantos e tantos comunicados do ministro da bagunçada presumo que o blackout colectivo se venha a transformar num Green out, é que para jogarem assim é melhor mesmo estarem fora de campo.

quarta-feira, 14 de abril de 2010

TODA A VERDADE

Correndo o risco de parecer um bocado cromo, tenho de admitir que depois de ter estado no estádio ontem, aproveitei hoje para ver em fast forward o jogo de ontem (vantagens do MEO, é o que é) e depois de tanto ter ouvido estas ideias feitas hoje, achei que era melhor desmistificar.

1ª Ideia feita - o Sporting dominou claramente a primeira parte

Não sei se é uma questão de expectativas e de todos esperarem que o Benfica fosse massacrar o Sporting, mas o facto é que a primeira parte foi equilibrada, não havendo motivos para se transmitir esta ideia. Algumas estatísticas da Sport TV:

Ataques - SLB 17 SCP 16
Remates - SLB 5 SCP 7
Cantos - SLB 6 SCP 7
Posse de Bola - SLB 58% SCP 42%.

2ª Ideia feita - Benfica beneficiado pela arbitragem

Esta ideia passa sobretudo por uma falta do Luisão (que foi amarelado no lance) sobre o Liedson, no primeiro quarto de hora da 2ª parte.

Não digo que a falta em causa não pudesse ter sido motivo de expulsão do Luisão (mas também me parece que seria excessivo).

Por outro lado, do que vi, o João Moutinho tem 3 entradas para no mínimo cartão amarelo (por menos do que em qualquer uma das 3, o Di Maria viu o dito cartão), o Miguel Veloso pelo menos duas (foi amarelado na 2ª), o Abel, já com um amarelo faz outra falta para amarelo. Mais ainda, na 1ª parte um remate do Carlos Martins é desviado com a mão pelo Carriço (tendo o remate sido a uns quantos metros do defesa em causa)e no lance em que se lesiona, vê-se claramente nas repetições o Grimi a pontapear a perna do Cardozo, sem sequer ficar perto da bola. E já nem tive paciência para rever as faltas sobre o Ramires...

Isto dito, ganhámos com justiça num jogo que foi equilibrado na 1ª parte (se calhar inesperadamente, face à diferença pontual e de qualidade entre as equipas), e a haver razões de queixa da arbitragem, seríamos nós os primeiros candidatos a fazê-lo.

Comunicado

Hoje não escreverei um post, apenas um comunicado ao qual não haverá qualquer resposta:

COMUNICADO

- Costinha é parvo;

- Peço aos analistas e comentadores que analisam o grau de parvoíce das pessoas, que verifiquem as várias intervenções públicas protagonizadas por Costinha desde que é Director “para o futebol” do Sporting;

- Certamente encontrarão coerência de atitude e chegarão a conclusões óbvias;

- A parvoíce é um “dom” com tratamento;

- Em Costinha é inato;

- Costinha está no clube certo;

- Costinha é parvo.

PS: Fui ao estádio!!!

O número 26

Assim que vi na Sporttv o Costinha a sentar-se na conferência de imprensa, pensei logo que estaria ali mais um bom momento de humor em potência. Não me enganei. Foi hilariante. Resumir todo um jogo àquele lance do Luisão é genial. Estaremos em presença do novo Seinfeld? (Seria uma ironia fabulosa, já que o Seinfeld é judeu e o Costinha tem tiques de ditador nazi). Deve ser a magia do número 26 e o efeito que o mesmo causa.

Espero ansiosamente que este efeito do número 26 se confirme. Teríamos mais sketches de humor no fim dos jogos do campeonato nacional.

Infelizmente ainda não pude comprovar o efeito desse número nos directores desportivos dos clubes adversários do Sporting, por uma simples razão: ninguém está 26 pontos abaixo do sporting.

Tragam as faixas de campeão!

O Benfica caminha para a consagração no campeonato português e, quando faltam quatro jornadas para o fim, só uma catástrofe impedirá a celebração mais do que justa do título.

Depois de uma primeira parte menos conseguida, com alguns erros acumulados, a equipa, mais uma vez, reagiu muito bem, tendo sido totalmente superior ao Sporting, ao beneficiar da dinâmica de Pablo Aimar, autor do segundo golo, na sequência de um lance em que exibiu a classe que só está ao alcance de sobredotados. Antes, Cardozo tinha inaugurado o marcador, provando dotes de matador, embora já sem as melhores condições físicas.

Costinha colocou, de forma ridícula, em causa a vitória da melhor equipa em campo, alegando que o Sporting foi prejudicado pela arbitragem, uma atitude natural a quem está a"apenas" 26 pontos do Benfica. Aliás, os lagartos deveriam estar satisfeitos, porque conseguiram sair da Luz sem serem goleados.
video

segunda-feira, 12 de abril de 2010

Preocupação

Eu ao contrário de muitos estou muito cauteloso em relação ao jogo com a lagartada. Estou certo que somos muito melhores, o nosso trajecto comprova-o. Somos melhores em todos os sectores quer individualmente quer no colectivo contudo convém estar alerta.
A Lagartada vem à Luz completamente descontraída, acontecimentos estranhos nos últimos dois jogos do Guimarães deixam-nos à vontade para não dizer à vontadinha no quarto lugar e sem qualquer pressão para o jogo, isso permitirá abordar o jogo na expectativa do erro perante o assumir do crer e da vitória por parte das nossas cores. Esta situação aliada ao decréscimo de concentração da nossa equipa (estamos a sofrer muitos golos por desconcentrações individuais e colectivas) e à menor eficácia na baliza contrária (estamos a falhar muitos golos, e alguns relativamente fáceis) em consonância com a hipermotivação do Liedson e companhia as coisas poderão complicar-se.
Confio na equipa, mas convém que assumam o jogo de forma séria e concentrada.

PS: Já fui supersticioso, hoje sou menos mas não me sai da cabeça que no novo estádio ainda não vi uma vitória sobre o sporting, o melhor que vi foi a qualificação num jogo da taça de Portugal através de vitória por grandes penalidades após o 3-3 do final do jogo. Nesse ano perdi o jogo do titulo (único jogo que faltei em toda a época) e o ano passado no 2-0 também estive ausente. Será que devo ficar em casa?

sexta-feira, 9 de abril de 2010

E depois do adeus.....

A música do Paulo de Carvalho e que o titulo se encontra no cimo do post começa assim: Quis saber quem sou...

Não gostei de ser eliminado da Liga Europa, acho a Taça uma das mais bonitas e gostava de a ter na sala de troféus do clube, tinha confiança mas não foi possivel.
Em jeito de balanço considero que fizemos uma grande campanha europeia, poderia tentar dissecar o que correu mal, mas não o vou fazer e sinceramente já não me interessa, os 5 jogos do campeonato são os últimos que verei desta equipa maravilhosa que me tem proporcionado alegrias atrás de alegrias. Este foi o melhor Benfica que eu vi jogar inquestionavelmente, muitas vezes foi arrasador, massacrante mesmo, que delicia, foi um luxo ver estes rapazes jogarem este futebol que perfume. No fim da época passada ninguém acreditaria que conseguissemos fazer uma tão brilhante, mas fizemos, voltámos à nossa matriz de vitórias e de glória, a passadeira vermelha foi-se desenrolando de palco em palco de Norte a Sul e também no resto da Europa, voltaremos lá, mais tarde ou mais cedo vamos estar nos grandes momentos, passámos esta fase ou melhor estas etapas porque foram várias, como quem sobe as escadas duas a duas, o resto segue dentro de momentos.
"Quis saber que sou" diz a música, eu quero saber quem somos depois deste jogo, e é tempo de sermos mais unidos, foi só uma página de um livro que se chama 32º campeonato, um primeiro volume de um percurso longo com muitas páginas vitoriosas, um recomeço do clube que nos vai levar à hegemonia do futebol português

quinta-feira, 8 de abril de 2010

Nas mãos do Imperador

Hoje caímos em Liverpool penso que demos tudo mas o facto é que não caímos de pé, também não tombámos de forma abrupta, contudo é indesmentível que foi um resultado pesado.
Nestas alturas é fácil escolher responsáveis, penso que muitos tratarão de o fazer, julgo até que muito provavelmente o nosso guarda-redes teve hoje a sua última grande noite com a camisola do Benfica, não tanto pela influência, que a teve, na derrota mas fundamentalmente pelo ataque de pânico que originou a sua substituição numa altura crucial do jogo. Lembrei-me de Tavares em Milão.
Por imperador poderemos associar logo o nome de Júlio César, mas quando o faço em titulo pretendo dar-lhe um duplo sentido, focar os erros de um jogador, mas fundamentalmente do verdadeiro imperador desta equipa, o timoneiro, o primeiro responsável pela excelente época que temos vindo a fazer, mas também o grande derrotado da noite. Jesus esteve perdido, na escolha da equipa inicial, David Luiz a defesa esquerdo é começar a perder, na insistência em Luisão (que pena foi vê-lo em sofrimento pela equipa) mas sobretudo na substituição de Carlos Martins em detrimento de Aimar.

Agora é tempo de descansar, concentrar atenções no que falta jogar, recordar o que fizemos até aqui com muito orgulho e reflectir o que correu menos bem em termos de gestão de plantel para corrigir no próximo ano.
Na terça feira lá estaremos para aplaudir a equipa e todos juntos darmos mais um passo naquele que é o nosso grande objectivo.

À atenção do Liverpool

You`ll never walk alone, please join Arsenal, Manchester United and probably Fulham!

quarta-feira, 7 de abril de 2010

REVIRAVOLTA

Algumas horas antes de estar de saída para Liverpool, queria só deixar aqui algumas impressões sobre os momentos mais recentes:

- Acho que temos equipa para passar a eliminatória. Independentemente do resultado, acho que vai ser uma experiência bem interessante, apesar de estar um pouco preocupado com o cansaço da equipa e mais ainda com os comentários do Jesus e do Di Maria sobre o mesmo, que quase parece que já estariam a preparar desculpas para um resultado menos bom.

- Uma coisa boa do jogo com a Naval (para além de mais uma vitória na caminhada para o título), foi que pelo menos não vamos ter de ouvir mais os comentadores a dizerem que o Benfica ainda não tinha conseguido uma reviravolta na Liga (e isto depois de já termos feito reviravoltas com Marselha e Liverpool). Até parece que é algo de extraordinário, tendo em conta que só tínhamos estado a perder em 3 jogos até agora (Marítimo, Braga e Olhanense), sendo que em dois deles empatámos.

- Apesar de todos concordarmos que a prioridade é o campeonato, acho que ainda assim se podia ter rodado um pouco mais a equipa e não ter deixado alguns jogadores até ao fim. Se temos um plantel de qualidade, não é de aproveitar? Por exemplo, o Airton não poderia ter jogado no lugar do Javi, o Sidnei no lugar do Luisão e por aí fora, sem perdermos qualidade? O primeiro a sair, (a não ser que tenha sido por lesão) tinha de ser o Weldon, que à partida não deve estar assim tão cansado? Espero que isto não seja tema de discussão depois de 5ª à noite.

- Para que isto não seja interpretado como uma crítica ao Jesus, já repararam que ganhámos ao Liverpool (a jogar bem e com possibilidade de ganhar por bem mais) com um onze titular só com jogadores que já cá estavam na época passada, excepção feita ao Javi Garcia e ao Fábio Coentrão (que note-se, só não estava, porque o tínhamos voluntariamente dispensado/emprestado). Assim se nota a diferença que um treinador faz...

segunda-feira, 5 de abril de 2010

Estou com nervos

Confesso que ando nervoso, a paródia do embate entre Braga e Guimarães deixou-me atordoado, pois errei completamente os cálculos do tapete estendido ao fcp para o segundo lugar. Com o que se passou volto a estar expectante para o que aí vem. Sendo um jogo contra uma equipa com muita qualidade no anti-jogo, um treinador cujo clube é o anti-Benfica, perante o Elmano Santos tudo pode acontecer. Depois convenci-me que tendo a equipa cansada este seria uma boa hipótese para rodar jogadores (teríamos margem para o Braga que não ganharia o seu jogo) e resguardarmo-nos para Liverpool.
Assim, não sei o que é melhor, se devemos apostar ao máximo para hoje, ou se devemos rodar a equipa (quem jogaria tem valor suficiente para ganhar hoje, isto em condições normais que não impliquem decisões do Sr. Elmano e companhia) e apostar tudo na eliminatória da Liga Europa.
Estou com nervos...

PS: Ao que parece Benayoun afirma "Estou confiante que podemos vencer o Benfica", assim seja 3-2 está bom e ficamos todos satisfeitos.

sexta-feira, 2 de abril de 2010

Claques, passado! presente !Que futuro?

Antes de fazer este post gostaria de fazer uma nota prévia: Não existe da minha parte nenhuma tentativa de exclusão ou de marginalização de quem quer que seja, procuro respeito e exijo o mesmo respeito, quem quiser discutir rebater explicar os pontos de vista é muito bem-vindo, quem quiser aparecer única e exclusivamente para ofender com o perfil de anónimo não passará para mim de um reles cobarde que só merecerá desprezo.

Quando nos deslocamos para ver o Benfica, todos queremos que seja perfeito, ideal, e existe um conjunto de situações que à partida desejamos que corram bem:

- Que o Benfica ganhe.
- Que dê espectáculo.
- Que haja bom ambiente.

Se as primeiras são pacificas a última depende em muito do que nós queremos e com quem vamos.

Muitos dos que estão nas claques e que eu admito que acompanhem o Benfica para todo o lado fazem-no com sacrificio pessoal mas o prazer que têm em acompanhar o clube suplanta tudo isso, muitos gostariam de fazer o mesmo mas não têm capacidade financeira para o fazer. Acho louvável, muitos já se conhecem e estou em crer que existirá um espirito muito próprio que os fará sentir bem.
Se me perguntarem se gosto de ver as coreografias e os cânticos, gosto, gosto muito, desde que sejam para dar força ao nosso clube. Mas acho que podiam ser mais intensos e coordenados, podia haver mais alegria, mas já lá chego.
Ontem, há uma imagem que fica daquela criança que chora com o golo de Cardozo, é comovente, é a força da mistica, o legado que passa de geração em geração. Todos gostariamos de ver mais imagens dessas, independentemente de que clube são, são crianças que só querem ir ver um jogo de futebol, um sonho de menino como já foi para nós uma visita à Catedral. Para que isso aconteça é necessário que se sintam seguros, que sintam que podem ir com os pais sem estar sujeitos a serem magoados. O argumento de que as outras claques ou os outros fazem é fraco, os outros não são o Benfica, nem têm a nossa dimensão nem a nossa história. E somos nós que devemos honrar uma história centenária.
Cada vez que existe uma situação grave, são milhares de euros que deixam de entrar no clube e milhares de pessoas que desistem de levar os filhos ao futebol na Luz e principalmente fora dela. É menos apoio nas bancadas para levar o Benfica para a frente. Penso que isto é mais que pacifico.
O clube com certeza tem interesse em ser apoiado, e até o de disponibilizar verbas e logistica para esse efeito, mas para que isso aconteça tem de haver regras e normas que terão de ser cumpridas e respeitadas, o nome do Benfica não poderá andar na lama só porque existem umas dezenas de individuos dentro de uma claque que quando se encontram na qualidade de benfiquistas têm determinados comportamentos. Anteontem houve petardos que quebraram o ritmo de jogo e o próprio Jesus e os jogadores além do resto do Estádio se insurgiu contra isso , mas pior do que isso será o que vai acontecer ao Benfica, que poderá ser penalizado com jogos à porta fechada.
Do passado guardo uma colecção de calendários das várias coreografias que havia na Luz, e deixem-me que vos diga, o número de bandeiras e de adereços era muito maior do que existe hoje. Mas nessa altura as claques tinham um apoio da direcção mais efectivo, a questão é essa, as claques querem fazer uma festa dentro da festa ou fazer a própria festa? Desde já vos digo uma coisa, se optarem por seguir um caminho isolado, desconfio que acabarão por desaparecer, e poderá demorar mais ou menos mas isso acontecerá, é inevitável. Se pelo contrário optarem por se integrarem, não tenho dúvidas que as vossas condições para darem cada vez mais espectáculo serão cada vez melhores aqui e no estrangeiro. Não existem Benfiquistas de primeira e de segunda e todos mas todos sem excepção temos o dever de respeitar a festa do futebol e é se queremos ser cada vez maiores e fundamentalmente melhores.