domingo, 30 de setembro de 2012

Últimos apelos às eleições


Nem uma vitória soberana em Paços de Ferreira com um Lima cheio de sentido de oportunidade, que nos permitiu alcançar o primeiro lugar no Campeonato, foi capaz de me conter o sangue quente. Mais de 48 Horas já s
e passaram sobre a Reunião Magna do clube e, mesmo a pedido do Presidente da Mesa da Assembleia Geral de que a Direção retire as devidas ilações, nem uma única alma dos órgãos sociais executivos foi capaz de se pronunciar sobre os resultados. Ao invés, são crescentes por toda a comunicação social os apoios manifestados a uma recandidatura do atual Presidente.

Começou por ser João Rodrigues, ilustre consócio benfiquista, candidato a Presidente do Conselho Fiscal na lista de Luís Tadeu em 1997, que, apesar de ter estado a mais de 30 Km do Pavilhão Nº2 do Estádio da Luz na última quinta-feira, conseguiu ouvir, em alto e bom som, o famoso “petardo”, mas não lhe foi audível o agitador “pouco barulho” de um Vice-Presidente da Direção no palanque. Apesar de "tomar, igualmente, a árvore pela floresta e a floresta pela árvore" e não mostrar a consciência de que os atos de alguns não são o espelho de todos os intervenientes na Assembleia, daqueles que se pronunciaram ontem na Comunicação Social – sobre os restantes pronunciar-me-ei em seguida – é o único, no entanto, que merece todo o respeito na opinião emitida, uma vez que fui o único também que o fez na sua livre qualidade de associado.

Maxi Pereira é, neste momento, o capitão do clube dentro do campo devido à ausência de Luisão. Merece a braçadeira e admiro muito a sua entrega de águia ao peito, mas há assuntos que não lhe dizem respeito. E ao treinador Jorge Jesus a mesma coisa. Tratam-se de dois funcionários, que recebem um ordenado para trabalhar no clube que tiver o Presidente que os sócios elegerem. Não é preciso voltar muito anos para trás para saber reconhecer uma excelente atitude nos silêncios de João Vieira Pinto ou para perceber aquilo que aconteceu a Michel Preud’Homme... 
É certo que esta crítica poderia ser mais extensa, caso se desconfiasse de uma ordem superior. Preferirei não especular, contudo, perante os maus exemplos recentes dos comentários na Benfica TV, dos “detratores” na capa do Jornal centenário do clube ou até o apagar constante de “posts” na página oficial do Facebook que contém comentários indesejáveis, já nada é capaz de me admirar num clube cujos órgãos de comunicação estão ao serviço dos órgãos sociais eleitos e não de uma instituição cujo órgão de deliberação máxima é a sua Assembleia Geral.

Não menos vergonhosa foi ainda a atitude de um caro consócio, de seu nome Fernando Valente, Presidente de algumas Casas do Benfica, um senhor que sozinho, no próximo dia 26 de Outubro, terá nada mais nada menos do que praticamente 150 votos na sua mão, caso se contem os das duas casas que preside e se for, igualmente, um sócio com direito aos poderosos 50 votos que eu também tenho e abomino. Todavia, o mais interessante é que os 100 votos correspondentes às duas casas de que se afirma Presidente, - e também os das outras duzentas e noventa e oito Casas como faz questão de referir - já estão, supostamente, decididos. E isto numa altura em que se desconhecem o número de listas candidatas e, consequentemente, os respectivos membros que compõe as ditas casas não os ouviram e, com certeza, nem se pronunciaram... Estas declarações foram, no mínimo, um atentado à solidariedade institucional que lhes cabe ter por todos os associados, para nem sequer falar nas palavras soberania, justiça, associativismo ou liberdade.

Já tive oportunidade de me pronunciar sobre a Assembleia Geral da passada semana e quais aquelas que julgo que deveriam ser as consequências e ilações a retirar. Pouco me importa a concórdia ou a discórdia das minhas posições. De resto, até sei reconhecer que, se o atual Presidente se recandidatar, contra uma lista que não contenha Bagão Felix num órgão social, irá, muito provavelmente, vencer as eleições. 

Contudo, por muito menos descontentamento, outros Presidentes, como José Ferreira Queimado, não se recandidataram. O Benfica não é um qualquer Governo de Portugal. O Benfica é movido por paixão e julgo que um Presidente não pode criar separatismo quando a sua figura e o seu nome não são consensuais de forma tão evidente. O que representará 51 % ao pé da paz social no clube que se quer reinante ?! Assim, abrir o clube à discussão, de forma atempada, livre e democrática, dando tempo para que todas as listas que decidirem avançar se constituam e, garantindo ele próprio por fazer dos órgãos de comunicação do clube um espaço que todas elas o pudessem utilizar, de igual forma, para esclarecer os sócios dos seus próprios projetos, seria a saída pela porta certa e a demonstração de um “sentido de clube” que, em vários momentos ao longo dos seus três mandatos, soube, reconhecidamente, embora nem sempre, ter. 

Embora o último parágrafo sonhador, todos sabemos que nada disto irá acontecer. Luís Filipe Vieira irá, quase de forma certa, continuar calado e a receber apoios diariamente. Irá concorrer sozinho e com a presença, na sua lista, de dois opositores de 2009, cujos estatutos sociais, desde então, mudaram.

Com sinceridade, quem acredita e vende a história do "mudar por dentro" são só aqueles que ainda têm peso na consciência ao oferecer, numa bandeja, a alma ao diabo. A partir desse momento, para efeitos práticos, esses “senhores”, que integrarão essa lista, passarão a concordar com a política de comunicação da Benfica TV, com o nível boçal dos nossos representantes, com os estatutos em vigor, com o passivo astronómico e com “o Benfica ser um clube para valorizar jogadores, não para ganhar títulos”. No meu entender, esses “senhores”, se queriam ter o respeito dos sócios, tinham de seguir o caminho da coerência e fazer a luta onde ela deve ser feita (nas urnas)... E perder as eleições - conquistando o devido espaço - se fosse preciso !

Restará aos outros elementos do conhecido “Movimento Benfica Vencer Vencer” saberem distanciar-se no devido tempo, que teima em não chegar. E aqui, novamente, o “sentido de clube” também exige uma candidatura deste Movimento. Mesmo que não existam condições de vitória (não haverá mesmo?), os seus membros devem avançar, com nível e elevação, para respeitar o clube e as suas tradições. A formação para a cidadania - outro dos desígnios do Sport Lisboa e Benfica, que não serve apenas para “jogar futebol” - deve partir de quem é capaz de se fazer ouvir. A hora exige ! E, se por um lado, não lhes será incutida a responsabilidade caso não vençam, por outro, o mesmo não poderá ser dito em relação ao legado que, caso não se candidatem, abandonam.


“A penalização por não participares na política é seres governado pelos teus inferiores”, Platão escrevia. Assim, encontro-me cansado de “ouvir falar” em jantares, fiquei obtuso com o espelho de falta de cultura associativa e fico, interminavelmente, impressionado com a infindável gestão de silêncios por parte de toda a gente. 

Acredito, honestamente, que, no Benfica, uma ‘Nova’ Farmácia Franco deveria ser feita com todas as gerações. Julgo, no entanto, que, cada vez mais e perante os acontecimentos, não tardará a chegar o tempo de serem outros, bem mais novos, a fazer renascer, de novo, o mais nobre espírito benfiquista, a refundar os valores do Glorioso e começar no Benfica algo que Portugal tanto precisa: a renovação das classes dirigentes.

Há “jovens”, penso em abstracto, por esse Mundo benfiquista fora, tão mais bem preparados para a gestão adequada e com tanta mais paixão e vontade de vencer. Contudo, esta força só estará apta quando, na defesa da grandeza daquilo que os une, se deixarem de chamar “abutres”, “cegos” e “ridículos” uns aos outros por pensarem diferente. 

Se são o futuro, sejam desde já o exemplo. É este o verdadeiro apelo. 
E que isso concretizar-se seja a maior vitória destas eleições.

33 comentários:

  1. atenção ao provérbio:
    "atrás de mim, virá, quem de mim, BOM FARÁ"

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Para isso é que servem as medalhas de mérito atribuídas em AG do clube depois de terminados os mandatos. Mas o actual Presidente já recebeu o seu emblema de ouro em 2006, em pleno exercício dos seus mandatos.

      Quanto aos jovens, mais sonhador é ainda o texto do que estas eleições de Outubro próximo . Estes encontram-se, estatutariamente, afastados do clube .

      Eliminar
  2. O que se passou foi, apenas, um grupo de nazis que criando pânico na sala, não deixaram as pessoas expressarem-se livremente.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahahahah Para além da falta de respeito pelos sócios que votaram de forma livre e consciente, esse comentário não é mais do que uma plena falta de noção do que é, efectivamente, fascismo.

      Eliminar
  3. Nunca escrevi aqui qualquer comentário. Gosto da sua escrita, discordo de algumas opiniões, concordo com outras. É natural e saudável.
    Cuidado com as generalizações.Já ouvi muitas vezes a afirmação de que esta geração jovem é a mais preparada.
    Aceito dificilmente. É a mais "escolarizada". Mas,cuidado,isso não significa maior saber. Temperança porque os sábios sempre afirmaram: "in medio virtus est".

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado Gil Vicente . Evidentemente que é sensato tudo aquilo que diz.

      Um abraço,

      FAS

      Eliminar
  4. A campanha está montada pelos Filhos da Puta pagos pelo Vieira. Os Lemus e os Maneis da blogosfera engoliram em seco o chumbo

    ResponderEliminar
  5. Esta linguagem mostra , claramente, quem são os anti vieira.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anti-Vieira ou Pró-Benfica (como é o meu caso) são conceitos diferentes.

      Eliminar
  6. "Um agitador 'pouco barulho'"?????

    Ó Fernando, cuidado com as agitações. Se um "pouco barulho" dá direito a um petardo um "calem-se" teria dado direito a quê? Um rajada de metralhadora?

    ResponderEliminar
  7. O Maxi Pereira não é capitão do clube, o Capitão do Sport Lisboa e Benfica é o Presidente Luis Filipe Vieira, o presidente dos benfiquistas, enquanto instituição :) certo? o Maxi é capitão da equipa profissional de futebol, que são coisas diferentes, embora muita gente faça essa confusão :)

    O Maxi Pereira e Jorge Jesus, são profissionais do clube e sócios efetivos de plenos direitos, digo eu :) podem expressar as suas opiniões em liberdade...

    O consócio Fernando Valente votará de acordo com decisão das respetivas Casas, acredito que as Casas sejam pontos democráticos, se não são as culpas são dos associados das mesmas.

    Sem que tivesse havido uma verdadeira revolução, nem um cego deixará de ver as mudanças boas que as direções do Presidente Vieira trouxeram ao nosso Clube, não vou enumerá-las, só lembro que os benfiquistas têm memória e sabem muito bem como era o clube antes de Vieira e como Ele é agora :) certo?

    se chega? não! se gostava de ter um outro Presidente, sim! é verdade, queremos sempre mais e mais, com as oposições que se vêm, com o novos projetos que nos são mostrados, não tenho nenhuma dúvida, Voto Luis Filipe Vieira!
    até porque acho que deve ser ele a cortar a fita do nosso Museu Cosme Damião, ou não é assim que se chama?
    Voto Luis Filipe Vieira!
    Viva o Benfica!
    e pluribus unum

    PS: quanto à assembleia, que façam uma nova e a direção ganhará por 5 a 1 ahahahahah

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Opinião que respeito, com excepção das posições de Maxi Pereira e Jorge Jesus que representam todos os sócios, inclusivamente aqueles que não são favoráveis com os corpos dirigentes. Não são sócios de pleno direito enquanto forem funcionários do clube. E digo isto precisamente pela própria segurança dos seus postos de trabalho, caso, eventualmente, existisse outra Direção.

      Eliminar
    2. Claro que ganhará! E sabe porquê? Porque na próxima não será apanhado desprevenido e recrutará tudo o que mexa para ir votar e com 50 votos... mandará vir toda a gente das casas, munidas dos papelinhos milagreiros a contar 50 votos para o Rei Sol. É assim que procedem os ditadores... Como nesta última já aconteceu de resto. Ou acha que passou despercebida a entrada na hora da votação dum grande número de gente das secções e funcionários só para votarem o que Vieira pretendia?
      Nós sabemos muito bem do que ele é capaz... Não nos come por parvos!

      Eliminar
    3. entendo a dúbio da questão dos profissionais apoiarem a direção ou as oposições, mas já vimos de tudo... por mim e penso que para muita gente, o Benfica é muito mais que uma opinião de alguém, mesmo que ele seja o capitão da equipa de futebol ou do treinador, o Benfica é um coletivo abstrato e associativo, para se medir esse meu pensamento nem sei que jogador é aquele que está numa estátua na Praça dos Heróis, não sei se é Mário Coluna ou Espírito Santo, não me parece o Chalana, mas não sei quem é ahahahah é o nosso jogador, isso sinto... mas Fernando, claro que sinto que são sinceras a dádivas de vitórias ao Presidente, porque quer queiramos ou não, é da responsabilidade dele os investimentos feitos no Clube, sabemos bem os esforços financeiros feitos nas modalidades, todas, na formação no Seixal, etc etc e quando vemos os seccionistas agradecer ao Presidente os esforços efectuados, agora com o futebol, acreditamos que sejam sinceros e tolero bem, não me choca nada, vê-se que é gente que sente o nosso Glorioso, o que me deixa feliz, ao contrário de tantos mercenários que passam por cá :)
      Viva o Benfica!
      E PLURIBUS UNUM!

      Eliminar
    4. Caro Antonio Maia.

      Não sou um crítico "acéfalo" da gestão actual. Se tiver paciência, leia os meus textos anteriores (nem são muitos) onde a minha opinião sobre várias questões como aquelas que nomeia são expressas.

      Melhores cumprimentos,

      FAS

      Eliminar
  8. Um texto deprimente de alguém que para além de não saber o que é democracia, já lá vou, não sabe o significado da palavra tolerância. É desta casta de gente que se fazem os ditadores e as ditaduras!

    Critica João Rodrigues, um associado de muitos anos do clube, por dar a sua opinião. Inadmissível!

    Critica um jogador do Benfica, capitão de equipa, sócio do Benfica, por manifestar apoio ao Presidente. Inadmissível!
    Embalado, aproveita para criticar o treinador JJ como se este não tivesse o direito igual a qualquer outra pessoa de manifestar a sua opinião. Como se o facto de serem assalariados do clube lhes desse uma menoridade em termos de direitos cívicos e uma posição secundário como cidadãos! Falem em ditaduras! Inadmissível!

    Critica um associado do clube, presidente de Casas do Benfica, onde reside o verdadeiro benfiquismo, por dar a sua opinião e dizer que os seus votos são para LFV. Como se ele não tivesse o direito de dizer o que pensa e a liberdade de opinião fosse reservada a alguns iluminados residente em Lisboa ou apenas aos presentes na famosa Assembleia do Grupo dos Petardos!

    Como se esta Assembleia tivesse constituído um ponto de viragem nos destinos futuros do clube. Ingénuos! Que isso era o vosso desejo já toda a gente percebeu, pensando que com uma mera Assembleia se fazia um golpe de Estado. É preciso ser-se muito estúpido!

    A grande maioria dos benfiquistas não se revê em vocês. Pelo contrário, acho que deram um grande tiro nos pés, mostraram a vossa verdadeira cara e de que massa são feitos. A massa dos ditadores e dos traidores!

    Vocês irão levar uma lição e uma grande lambada nas trombas nas próximas eleições que dificilmente irão esquecer. Que vos sirva de lição!

    PS. "Há jovens preparados para a gestão de um clube"! LOL! Que imbecilidade!
    Vocês não sabem nem gerir a vossa casa quanto mais a dos outros!


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Li as primeiras três palavras e, novamente, chegou-me. Boa noite.

      Eliminar
    2. Oh! Manel, hás-de estar com a cabeça em cima do cepo e a dizer as mesmas barbaridades. Por tudo o que escreves, quem és tu para dares lições de democracidade, de saberes ou seja lá do que for?! Tu és daqueles preguiçosos que são facilmente manobráveis, manipuláveis por estupidez e porque simplesmente não sabem pensar.
      Votam SEMPRE SIM porque SIM!
      Com gente como assim, o clube morrerá!

      Eliminar
  9. Onde andava toda esta gente quando o clube estava nas lonas?
    Por ventura nessa altura os petardeiros não tinham, nem viam forma de assaltar o clube (por estar falido) para comprar os petardos.
    Há uma coisa que já me ocorreu várias vezes - quando será que esta malta vai culpar o LFV por o clube estar falido e sem crédito à vista em 2000?
    Fica aqui a dica para o candidato que os tenha no sítio (e sem petardos) para fazer frente nas próximas eleições ao actual Presidente.
    Elaborem um qualquer projecto (mesmo que seja tipo político da actualidade) e apareçam e se forem derrotados pelos votos em branco, tenham a coragem de acabarem com a dupla afiliação - a bíblia é clara quando diz que não se podem servir dois senhores.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Onde é que eu andava em 2000 ? Tinha 16 anos e já tinha acompanhado, de perto, os mandatos de João Santos, Jorge de Brito, Manuel Damásio e a campanha de Luís Tadeu em 1997. E não me lembro, igualmente, de ter visto LFV nessa altura (e até 2001) em lado algum.

      Quanto a onde é que andavam outros, não sei, respondo por mim.

      Eliminar
    2. Bom!

      1 -Quem tem não duas mas três filiações é o senhor a quem chamam de presidente...

      2 - O clube estava falido e hoje está o quê? Falência Técnica É o mesmo. E pior, o Benfica tinha +- 39 milhões de passivo e hoje tem 526 milhões... Eh! Coisa pouca! Não há problema.
      Onde está a saúde financeira tão apregoada? Nem era preciso vender... Ou é mentira que Vieira disse isto?

      Hoje, o clube está muito pior. Sem dinheiro e sem vitórias!
      Mas para muitos, está bem e recomenda-se! Continue assim, que hão-de ter um lindo enterro!!!

      Eliminar
    3. A continuarem assim nao tenho duvidas de que irao fazer parceria com o Sporting o que dara uma felicidade imensuravel ao mafioso do Norte.

      Eliminar
    4. A grande ironia disto tudo sabem qual é?
      É que o Benfica, agora que tem um passivo de 526 milhões "???" é muitíssimo mais apetecivel do que quando tinha um passivo de 39 milhões.
      Para terminar e por aqui me fico - O LFV tem provas provadas do sucesso que tem sido no mundo empresarial - não se esqueçam de apresentar as do candidato que tenha a coragem de lhe fazer frente. Não apresentem juizes que pouco ou nada fizeram para mudar o estado em que a justiça se encontra neste país ou directores de canais de televisão que permitem a entrega por tuta e meia.

      Eliminar
  10. tanta palavra (não consegui ler tudo) para dizer que não gosta de nada. Se houvesse ideias boas para acrescentar algo bastavam duas linhas. no benfica actual parece que tudo está errado... é obra!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. LOLOLOLOL

      Ainda há mais palavras nos textos anteriores...

      Eliminar
  11. Boas,

    responder ali ao "Manuel" era rídiculo da minha parte, visto que este senhor é completamente rídiculo.

    Gostei do discurso que fizes-te. Conheco a tua linha de pensamento e identifico-me com ela.

    É verdade que esta direcção fez coisas positivas, tal como um Estádio moderno, um centro de estágios que faz invejar muitos.

    No entanto considero as coisas negativas mais evidentes.
    - Passivo extrondoso
    - Comissões e vai e vém de jogadores
    - Títulos nem vê-los
    - Formação sem apostas evidentes
    - Portugueses nem vê-los
    - Discurso gasto
    - Direcção carregada de anti-benfiquistas
    - etc etc etc.

    Bom discurso Fernando e um Abraço

    DS

    ResponderEliminar
  12. A liderança é dedicada a um bando de otários que por aí anda e não tomo por otários quem chumbou o relatório e contas do clube, esse é um direito legítimo dos benfiquistas e se estes entendem que as contas não devem ser aprovadas é uma decisão que lhes cabe e que não pode nem deve ser condenada, no fundo, encaro isso com naturalidade, numa votação do relatório e contas de um clube existem 2 possibilidades, a aprovação e a reprovação, como tal, qualquer decisão deve ser encarada com normalidade.
    Os otários, são aqueles que lançam petardos em assembleias do clube, aqueles que se deixam manipular, aqueles que só pela via da amedrontação e da ameaça conseguem valer os seus intentos, aqueles que andaram a pagar quotas em atraso de sócios do clube para que eles servissem os seus intentos, esse sim são otários, são energúmenos e um bando de selvagens, porque só pela arruaça e pela falcatrua se conseguem fazer ouvir.
    Essa gente que se diz benfiquista, vassalos de Brunos Carvalhos que não conseguem derrotar os votos em branco, o grande contributo que deram ao Benfica, foi o de ser falado pelos piores motivos, ser alvo da enxovalho e de bocas por todos os lados e de contribuírem para o gozo dos nossos rivais, esse é o seu benfiquismo e o grande contributo que continuam a dar ao clube, é mesmo caso para perguntar que com benfiquistas destes, quem precisa de portistas e sportinguistas?

    ResponderEliminar
  13. Estou muito curioso para conhecer a "nata" que estará para vir. Emergente das novas gerações, espero bem que diferentes da casta que governa o país actualmente, e não "montados" em Veigas nem em "paineleiros" ao serviço de interesses alheios. E também dispenso "guarda pretoriana". Quero muito que venham e sejam bons. Mas têm mesmo que ser muito bons porque chegado aos 42 anos de idade e quase 30 de sócio avalio os mandatos do Presidente LFV como os mais difíceis de exercer e por isso mesmo os melhores. Em relação á muita ou pouca democracia, é tudo conversa fiada, por esse prisma o Vale e Azevedo ainda hoje era presidente. Os sócios votam e a vontade destes é que conta.
    Questionar a legitimidade de uma direcção a pouco tempo do fim do seu mandato conquistado numa eleição das mais participadas de sempre e com mais de 90 % dos votos é no mínimo risível.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Felizmente, as minhas avaliações das Presidências não se resumem a frases tão simples e pouco exigentes como "Mas têm mesmo que ser muito bons porque chegado aos 42 anos de idade e quase 30 de sócio avalio os mandatos do Presidente LFV como os mais difíceis de exercer e por isso mesmo os melhores." Mas sobre este assunto escrevi outro post chamado 'Os bons, os maus e os razoaveis..." que, de certeza (já não me lembro), invariavelmente, tal é a sede de mostrar a sua ironia pouco refinada e pretensionismo 'sabichão' habitual dos seus comentários, não teve o cuidado de ler até ao fim e entender onde eu quis chegar.

      Em relação à "nata" desconheço quem quer que seja. Apenas fiz um apelo que se tratem com algum nível e seriedade, complacente com a idade adulta que já detêm.

      Por fim, foi a democracia que retirou Vale e Azevedo do seu lugar. Eu confio nos sócios do Benfica e em qualquer que seja a escolha da sua maioria. Posso é discordar com ela e não ser defensor que existam normas estatutárias para filtrar candidatos e se escrevam artigos com termos tão jurídicos como "no entanto" lá no meio. Ou, novamente, o MLeal vai-me 'obrigar' a concordar ?!

      E esteja descansado.. Qualquer lista que eu apoiei até hoje em eleições do clube, saiu derrotada e até acho que LFV vai para o Quarto Mandato e, mais uma vez, com o meu voto não irá contar.
      Será essa a escolha da maioria e saberei respeitar. Porém, isso não é, necessariamente, sinónimo de as minhas escolhas ou votos em branco terem estado erradas.

      Até aos próximos comentários, nos meus textos, já sabe.

      Melhores cumprimentos,

      FA

      Eliminar
  14. "invariavelmente, tal é a sede de mostrar a sua ironia pouco refinada e pretensionismo? 'sabichão' habitual dos seus comentários"

    Nunca falarei de si desta forma porque normalmente estes tipo de comentários quando proferidos dizem mais sobre as pessoas que os fazem do que daqueles que se pretendem atingir. Principalmente quando aquilo que os move é a diferença de opinião.

    Estou esclarecido.

    ResponderEliminar
  15. Tem muito a queixar-se depois de já me ter chamado de "ridiculo" como outras... E nunca ter respeitado também a minha opinião, por ventura diferente da sua, que sempre respeitei e, por vezes, escrevia, a priori, concordando.

    Estou esclarecido também desde a primeira vez que comentou e comparar opiniões cuidadas da minha parte sobre o SLB com o "soundbites" à Paulo Portas é, no mínimo, desagradável . Julgo que não é mesmo preciso ir fazer de novo "copy-paste".

    Saberei, no entanto, dar a mão à palmatória, reconhecendo o exagero do meu comentário, penitenciando-me uma vez que nem sequer o conheço pessoalmente, e pedindo desculpa pelo que escrevi.

    Até a próxima.

    Saudações encarnadas,

    FAS

    ResponderEliminar