domingo, 18 de outubro de 2009

Galácticos somos nós

O Benfica conseguiu, ontem, mais uma goleada neste surpreendente início da época, demonstrado que, neste momento, está ao melhor nível do que se produz na Europa.

Frente ao Monsanto, não estiveram jogadores que têm sido fundamentais na estratégia de Jorge Jesus e nem sequer foi preciso muito esforço para ganhar por 6-0. É verdade que o adversário, com alguns momentos interessantes, pertence à segunda divisão, mas, nestas últimas épocas de crise desportiva, surgiram equipas semelhantes, e a equipa não reagia como agora.

As virtudes viram-se em pormenores, como o fantástico golo de Felipe Menezes: não o conhecia e parece que, de facto, o Benfica descobriu um grande talento no Brasil. O segundo golo de Carlos Martins, autor de grande exibição, foi brilhante, e Saviola nem parecia que tem pouco mais de 1.60 metros quando marcou de cabeça, antes daquela assistência acrobática.

Fábio Coentrão voltou a provar que tem de ser utilizado com regularidade e até César Peixoto, jogador que não tem encantado os adeptos, fez um golo.




video

3 comentários:

  1. Concordo inteiramente.
    Muito boa apreciação.

    ResponderEliminar
  2. Caro Cosme, concordo essencialmente naquilo que dizes do Filipe Menezes, um talento bem descoberto e que vem provar, que finalmente existe no Benfica uma política desportiva coerente. Este jovem, veio para o Benfica já a pensar atempadamente em substituir daqui a 2 épocas o grande Aimar e nessa altura, com o talento que tem, já estará perfeitamente adaptado as exigências do futebol europeu e sabemos como é complicado neste momento encontrar verdadeiros nºs 10.

    ResponderEliminar
  3. Galácticos? Por termos goleado o Monsanto?? Ora, sempre quero ver já na quinta se temos estofo para passar a fase inicial da Liga Europa...
    Abraço,
    Zé Amaral

    ResponderEliminar